Quinta-feira, 9 de Abril de 2009

 

 

Temos a mania de achar que amor é algo que se busca. Buscamos o amor nos 

bares, buscamos o amor na internet, buscamos o amor na parada de ônibus.
Como num jogo de esconde-esconde, procuramos pelo amor que está oculto
dentro das boates, nas salas de aula, nas platéias dos teatros. Ele
certamente está por ali, você quase pode sentir seu cheiro, precisa apenas
descobri-lo e agarra-lo o mais rápido possível, pois só o amor constrói,
só o amor salva, só o amor traz felicidade.
Há quem acredite que o amor é medicamento. Pelo contrário. Se você está
deprimido, histérico ou ansioso demais o amor não se aproxima, e, caso o
faça, vai frustrar sua expectativa, porque o amor quer ser recebido com
saúde e leveza, ele não suporta a idéia de ser ingerido de 4 em 4 horas
como um antibiótico para combater as bactérias da solidão e da falta de
auto-estima. Você já ouviu muitas vezes alguém dizer: "Quando eu menos
esperava, quando eu havia desistido de procurar, o amor apareceu". Claro,
o amor não é bobo, quer ser bem tratado, por isso escolhe as pessoas que
antes de tudo, tratam bem de si mesmas. 
O amor, ao contrário do que se pensa, não tem de vir antes de tudo. Antes
de estabilizar a carreira profissional, antes de fazer amigos, de viajar pelo
mundo, de curtir a vida. Ele não é uma garantia de que, a partir de seu
surgimento tudo o mais dará certo.
Queremos o amor como pré-requisito para o sucesso nos outros setores,
quando na verdade, o amor espera primeiro você ser feliz para só então surgir,
sem máscara e sem fantasia. É esta a condição. É pegar ou largar.
Para quem acha que isso é chantagem, arrisco-me a sair em defesa do amor:
Ser feliz é uma exigência razoável, não é tarefa tão complicada. Felizes
são aqueles que aprendem a administrar seus conflitos, que aceitam suas
oscilações de humor, que dão o melhor de si e não se autoflagelam por
causa dos erros que cometem. Felicidade é serenidade. Não tem nada a ver com
piscinas, carros e muito menos com príncipes encantados. O amor é o prêmio
para quem relaxa.
As pessoas ficam procurando o amor como solução para todos os seus
problemas quando, na realidade, o amor é a recompensa por você ter resolvido
os seus problemas.

 

Autoria de meio barro meio tijolo!

sinto-me:
publicado por Pequenos Momentos às 17:35
link do post | comentar | favorito

 Geeente eu viii esse texto no site Victor e Leo, feito um cara muito foda nas palavras : Victor Chaves Zapala Pimentel, e simplesmente me amarreii por esse texto! Na verdade, gosto de todas a letras de musicas  que vem dessa dupla maravilhosa. Sempre que eu puder, estarei colocando alguns textos dele pra você. Espero que goste...


Medo ou Amor?
" Assim como dois caminhos não podem ser seguidos ao mesmo tempo por uma única pessoa, duas escolhas sobre um mesmo tema não podem ser feitas.
Aquele que vai à guerra por sentir-se cumprindo seu dever patriota, não pode, ao mesmo tempo, ficar ao lado da esposa e de sua família.
Quem escolhe continuar, não pode, simultaneamente permanecer. A vida é uma constante troca de uma coisa por outra e é importante aceitar isso.
Quando o caminho bifurca e o destino faz uma pergunta, qual a melhor escolha?
Em qualquer espaço ou tempo, pergunte-se: “O que o amor faria?”
A resposta a esta pergunta poderá tirar-lhe do ardor de diversas consequências advindas de uma escolha mal feita. O amor cabe em qualquer lugar e hora, permanecendo como a mais acertada forma de ser e fazer feliz.
Qualquer outra escolha que não seja por amor, certamente será por medo. Você está se perguntando: “Medo?”.
Se o medo de perder o que nem é seu se chama ciúme, o amor ao direito de simplesmente escolher estar ao lado chama-se liberdade. Se o medo de admitir que você também erra chama-se rancor, a amorosa visão de que ninguém é melhor que ninguém chama-se perdão.
Se formos pensar, tudo o que não nos faz bem são medos disfarçados e tudo o que nos torna melhores e felizes é o amor.
Medo de si mesmo é não gostar-se e aí, é bom saber que você pode reinventar-se a todo momento. Amor por si mesmo é gostar-se e aí, a energia contagiante de fazer com que todos ao seu redor sintam-se atraídos por você, chama-se auto-estima.
O que você tem escolhido? Na hora de viajar, por exemplo, pergunte-se: Estou deixando de ir por medo, estou indo por medo, estou ficando por amor ou estou indo por amor? E lembre-se, amor é algo que só pode existir, quando antes existe por você próprio. Ame-se mais para amar mais. Não ama, apenas acha que ama, aquele que diz que ama mas nem sabe o que é amor próprio.Medo ou amor? A escolha é sua e cada segundo de sua vida lhe perguntará isso. "
 ­    ­   ­    ­   ­    ­   ­    ­   ­    ­   ­    ­   ­    ­   ­     ­   ­   ­ (Victor Chaves)

publicado por Pequenos Momentos às 16:14
link do post | comentar | favorito

 Sim, de agora em diante eu irei me dedicar com todas as minhas forças para lhe mostram o quanto eu te amo e o quanto você é importante em minha vida. Não adianta mais eu querer me fazer entender que você só é mais um amiga como todas as outras, pois eu sei que não é! Não adianta eu tentar enganar meu coração, fingindo que você não provoca nada em mim ao te ver, pois ao te ver, ele bate mais forte, querendo me mostrar que meu lugar é e sempre será ao teu lado. 

Só em imaginar em não te ter mais ao meu lado, em não sentir mais tuas mãos ao me acariciar, em não ter a quem contar meus mais profundos segredos, que desde sempre você foi o único a quem eu tive coragem de contar. Só de pensar que um dia nossos destinos não poderão mais estar seguindo o mesmo caminho e que quando a tristeza invadir meus dias, eu não terei mais quem me faça sorrir, não terei mais aquela sua voz doce, calma que me acalma, me fazendo entender que nada nessa vida acontece por a caso.
O teu cheiro, o teu sorriso, os teus olhos, as tuas qualidades, teus gostos, tudo isso me faz te amar cada dia mais. Quer saber, amo até seus defeitos, pois com tanta perfeição, seus defeitos acabam virando mais qualidades.
Eu sei que ao ouvir todas essas músicas, todos os filmes, livros que me fazem lembrar você, as lágrimas deslizaram em meu rosto, me fazendo chorar. Mas do que me adiantará chorar, se eu não terei você para secar minhas lágrimas? Terei eu que aprender a secar com minhas próprias mãos, até o dia que eu te encontrar novamente, e você disser que veio pra ficar pra sempre ao meu lado. Que por mais que demorou, e que essa distância te fez entender que nós nascemos para sermos um do outro, nascemos para viver juntos eternamente, nascemos para dividirmos um com o outro as alegrias, tristezas, problemas e o amor...
Eu sei que um dia você perceberá tudo isso, e pode ter certeza que eu não direi um " tarde demais ", mas sim " eu sabia que você viria ", eu estarei de braços abertos para você, pronta para me entregar de corpo, alma e coração, e neste dia você me fará a pessoa mais feliz do mundo, transformando meu maior sonho em realidade.
Como no momento isso não passa de uma grande sonho, eu continuarei aqui fazendo de tudo para que esse sonho, se torne vida real...

 

Autoria 100% da mente de um louco apaixonado ou seija eu!!

sinto-me:
publicado por Pequenos Momentos às 16:11
link do post | comentar | favorito

as minhas fotos
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13

19
22
23
24
25

26
27
28
29
30


últ. comentários
muito lindo,e o maximo,amei,
Muito lindo tudo , parabéns por ter tanta sabedori...
Olá!Adorei o teu blog, está muito criativo!=)Passa...
Olá!Adorei o teu blog, está muito criativo!=)Passa...
Olá, gostei muito do teu blog e por isso, decidi a...
São palavras como a sua que tornam ainda maior o m...
Concordo plenamente..rsrsr
Eita vc táh apaixonado rapaz...shaushuahsuahEstá p...
Se a vida pudesse de vez em quando transformar a m...
Ela é só um pokinho chata !!Mas o amor que existe ...
arquivos

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

pesquisar
 
subscrever feeds